• Arquidiocese de Pelotas

Casa de Retiros Cenáculo será usada no enfrentamento da Covid-19



Mais um espaço em Pelotas está disponível para o enfrentamento à disseminação do novo coronavírus: o prédio do Cenáculo, administrado pela Arquidiocese de Pelotas. Com capacidade para alojar 60 pessoas, poderá ser utilizado na criação de um hospital de campanha. Outras duas alternativas de uso são transformá-lo em hotel para equipes de saúde ou ainda destiná-lo como área voltada ao isolamento social de profissionais que testarem positivo ao vírus.  

Conforme o reitor da Universidade Católica de Pelotas (UCPel), José Carlos Pereira Bachettini Júnior, existe a preocupação constante com o adoecimento dos profissionais de saúde que atuam na linha de frente do combate ao vírus. “Estamos analisando formas de acolher as nossas equipes com o melhor suporte possível, para que possam voltar rapidamente ao trabalho”, comenta.  


Umas das alternativas estudadas é destinar a estrutura aos profissionais de saúde que têm em casa familiares do grupo de risco ou ainda dificuldades de se manter em isolamento. Outra possibilidade é receber médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem que testarem positivo ao coronavírus.          


Em caso de utilização do prédio para criação de um hospital de campanha, a UCPel contará com a ajuda da Secretaria de Saúde do Estado, do Município e de empresários interessados em colaborar para equipar o espaço. As três possibilidades estão sendo analisadas pelo Comitê Interno de Gestão Covid-19, formado por integrantes da rede municipal de prevenção da doença, profissionais do Hospital Universitário São Francisco de Paula (HUSFP) e docentes da UCPel.


O prédio do Cenáculo já possui uma boa estrutura, com 60 quartos e 30 banheiros. Possui ainda cozinha, refeitório e espaços de convivência. Caso seja necessário adaptar parte da infraestrutura do prédio, o projeto ficará a cargo de professores e alunos do curso de Arquitetura e Urbanismo e da Engenharia Civil. Já integrantes dos cursos de Psicologia e Serviço Social ficarão responsáveis pelo acolhimento dos pacientes.       


Responsável por disponibilizar a estrutura, o arcebispo metropolitano e chanceler da UCPel, Dom Jacinto Bergmann, entende que neste momento o essencial é unir forças para melhor enfrentar a pandemia. “Como Arquidiocese cuidamos da vida. Ainda mais que neste ano a Campanha da Fraternidade trata sobre esse tema. Nesse momento é muito importante ajudar”, avalia. 

Outras ações

A UCPel integra uma série de ações voltadas ao enfrentamento do Covid-19. Entre elas estão a produção de 10 mil litros  álcool gel em parceria com a UFPel e IFSul e a de protetores faciais destinados aos profissionais de saúde. 


Também atua na construção do guia de orientação ao atendimento telefônico, voltado a pacientes com dúvidas ou sintomas referentes ao vírus. Na área da atenção básica, organiza o atendimento de seis Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) e, a partir do HUSFP, ficará responsável por  internações e intercorrências de saúde dos pacientes da região que não sejam diagnosticados com o novo coronavírus.     

Redação: Rita Wicth - MTB 14101

0 visualização
  • Facebook ícone social
  • Instagram
  • YouTube