Caminho de Emaús

A Comunidade Católica Caminho de Emaús foi fundada na Páscoa de Jesus, ou seja, no dia 30 de março de 2013.

A Comunidade originou-se dentro da Capela de São Francisco de Assis, que ficava sediada no Parque Costa Verde, na beira da Praia do Laranjal.

A idealização da Comunidade Católica Caminho de Emaús veio de Felipe Assumpção Gertum, que era líder de um grupo de oração que se reunia quinzenalmente.

O nome escolhido - Caminho de Emaús - é dado ao motivo de uma estradinha sinuosa, esta que levava até a Capela de São Francisco de Assis, lembrando muito aquele caminho percorrido pelos discípulos de Jerusalém até Emaús. 

A partir de 2014, a Comunidade Caminho de Emaús começou a realizar as suas "Trapeiradas", que são encontros de três dias, quando se busca o resgate dos verdadeiros valores da humanidade, e, por conseguinte, dos valores do cristianismo. É um encontro de pura conversão.

A Comunidade Caminho de Emaús desenvolve o seu trabalho em diversos segmentos da comunidade: participação nos trabalhos e nas festas das paróquias; auxílio na Liturgia e no Ministério de Música; visitas aos hospitais, às creches, aos asilos, levando a Palavra e a Música para os idosos e às crianças; etc.

Já foram realizadas três Trapeiradas Caminho de Emaús (2015, 2016 e 2017), e, hoje, estamos preparando a "4ª Trapeirada Caminho de Emaús", que, neste ano, acontecerá na Colônia de Férias Recreio Infantil da Praia do Laranjal. O encontro é aberto, atendendo uma faixa etária dos 18 anos em diante.

A Comunidade Católica Caminho de Emaús já contou com a orientação espiritual de três sacerdotes: padre Antônio Reges Brasil, que celebrou a primeira Missa da Comunidade, na Capela de São Francisco de Assis; padre Irineu Záttera, que participou como orientador espiritual da 1ª Trapeirada; e, atualmente, os padres Martinho e Bernardo.

Todas as quintas-feiras, às 17 horas e 30 minutos, a Comunidade Caminho de Emaús reza o "Terço do Caminho", na Catedral Metropolitana São Francisco de Paula, onde todos podem participar, encerrando-se o mesmo com uma "Hiperdulia a Maria".

O Tripé da nossa Comunidade firma-se nos seguintes pontos:

1º - CARISMA: Jesus Ressuscitado

2º - ESPIRITUALIDADE: Anúncio da Boa Nova de Cristo Ressuscitado

3º - METODOLOGIA: Alegria dos Trapeiros Missionários em evangelizar levando a Boa Nova do Cristo Ressuscitado

A Comunidade Católica Caminho de Emaús rege-se pelo seu livro denominado de "O Peregrino". Neste, encontra-se não só o Estatuto da Comunidade, mas a missão a que se propõe a mesma, assim como as funções de todos os membros de sua Diretoria e, por conseguinte, dos Trapeiros Missionários que a integram.

Uma cópia de "O Peregrino" foi enviada ao Santo Padre - o Papa Francisco - quando dele recebemos uma Benção Apostólica e o seu retrato. 

Da mesma forma, outra cópia foi entregue ao nosso Arcebispo Metropolitano dom Jacinto Bergman, havendo, a Comunidade, com tamanha alegria, recebido dele a sua benção e aprovação ao nosso trabalho.

Entre os nossos projetos, destacamos a edificação do "Povoado de Emaús´´, que consta de uma "casa de formação religiosa" destinada, especialmente,  à Comunidade Católica Caminho de Emaús, mas que também estará aberta a todos os demais movimentos e comunidades da Arquidiocese de Pelotas.

 

Para maiores informações acesse o nosso Site e a nossa Página no Facebook: