Santuário de Adoração

         O Santuário de Adoração foi construído para comemorar o Jubileu de Ouro Sacerdotal de Dom Antônio Zattera, no ano de 1973. O terreno foi doação da senhora Dinorah Branco e a planta confeccionada pelo arquiteto Plínio Oliveira Almeida, de Porto Alegre.
       Sua finalidade era constituir um local adequado para a adoração perpétua instituída pelo primeiro bispo, Dom Francisco, no interior da Catedral, no altar à esquerda do presbitério. Outra finalidade do Santuário é oferecer os serviços pastorais de aconselhamento e o sacramento da penitência, diariamente, bem no centro da cidade.​
          O primeiro reitor foi o Pe. Vitor Stefens, SJ e até o início de 2019 contou com a participação dos sacerdotes jesuítas. O cuidado material contou por muitos anos com o apoio das Irmãs Franciscanas da Penitência e Caridade Cristã, atualmente realizada por leigos da comunidade. 
Horário de funcionamento
Segunda a sexta
Manhã: Das 8h30 às 11h30
Tarde: 14h30 às 16h30
Missas
De Terça à Sábado, às 17h.
Domingo às 10h.
Confissões
De Terça à Sábado a partir das 15h30.
Domingo das 9h ás 10h.

Av. Domingos de Almeida 3150 - Areal - Pelotas

(53) 3225.8055

sitearquidiocese@gmail.com

Site desenvolvido em 2017 para Mitra Arquidiocesana de Pelotas.