• Arquidiocese de Pelotas

“A Palavra de Deus para Hoje” 22-10-18


No trecho do Evangelho de hoje, Lucas nos coloca diante de um interlocutor anônimo, que pede a Jesus que resolva uma questão de direito entre ele e o seu irmão: “Mestre, dize ao meu irmão que reparta a herança comigo”. Jesus, então, aproveita a ocasião, para fazer sua advertência em relação à cobiça humana, frente aos bens materiais: “Atenção! Tomai cuidado contra todo tipo de ganância, porque, mesmo que alguém tenha muitas coisas, a vida de um homem não consiste na abundância de bens”. Feita a advertência, faz uma instrução, por meio de uma parábola: “A terra de um homem rico deu uma grande colheita. Ele pensava consigo mesmo: ‘O que vou fazer? Não tenho onde guardar minha colheita! Então resolveu: ‘Já sei o que vou fazer! Vou derrubar meus celeiros e construir maiores; neles vou guardar todo o meu trigo, junto com meus bens. Então poderei dizer a mim mesmo: Meu caro, tu tens uma boa reserva para muitos anos. Descansa, come, bebe, aproveita!’ Mas Deus lhe disse: ‘Louco! Ainda nesta noite, pedirão de volta a tua vida. E para quem ficará o que tu acumulaste?’ Assim acontece com quem ajunta tesouros para si mesmo, mas não é rico diante de Deus”. Portanto, Jesus proclama claramente uma verdade que vale para ontem, hoje e sempre: somente os bens materiais não são capazes de alcançar a plenitude da vida.

+Dom Jacinto Bergmann


  • Facebook ícone social
  • Instagram
  • YouTube